Loading...

0

Nenhum produto no carrinho.

#meuLadoBasic - Daniela Pizetta

14/10/2016 09:00

MeuLadoBasic

Mulheres para as quais existimos

Daniela Pizetta

@danipizetta

por Mariana Abreu Sodré

Daniela Pizetta está em um flow bem planejado. Após 5 anos trabalhando nos quadros do Grupo Iguatemi, agora tem a empresa como cliente. Faz “interface de marketing e comunicação entre prestadores de serviço e o grupo”, e  também é empresária e consultora da revista I. O nome da nova empreitada de Daniela ainda não estava 100 % certo no dia do papo com a Lado Basic. “Estou pensando em Zetta Off Projetos de Comunicação e Marketing”. Já o propósito é bem claro: oferecer conhecimento de marketing, de PR, de mercado editorial, de luxo, de exportação e de importação. Pois a gaúcha (oi, Caxias do Sul!) de ascendência italiana, “lá do norte da Itália”, manja desse tudo.

A saber: Daniela chegou a São Paulo para trabalhar como modelo, aos 18 anos, e “aqui está há 22”. Sim, chegou lindamente aos 40, (41 precisamente). Para ela, uma fase de expansão, de novos negócios, de redescobertas “estou estudando português para aprimorar a minha escrita. Amo escrever, sempre escrevi e agora estou entendendo melhor como colocar para fora”, conta. “Estou em uma fase bem boa, no auge da minha energia”, completa.  “Claro, para chegar até aqui passei por muitas coisas, mas, olha, se pudesse voltar no tempo, faria tudo igualzinho. Sou hoje tudo o que vivi”.

E também o que está vivendo. Além do business e dos estudos, tem mais. Vai conhecer a Amazônia (Alter do Chão), tem curtido a cidade de São Paulo a pé, “outro dia fui de casa, em Higienópolis, até a Liberdade”, vem explorando outras cenas, “já foi ao Casa de Francisca?”, escutado antigos amores, “Elis Regina e Tom Jobim”, vai muito para Campos do Jordão e tem planejado bastante, “porque tudo precisa ter um objetivo”. No final do ano, planos de uma temporada em Paris e Nova York, para se reunir com clientes em potencial. Até lá, certamente, você vai ouvir muito sobre ela. E sobre a Zetta, é claro.

As básicas de Daniela

Quais são suas premissas básicas?

Ter objetivo, planejar, fazer.

O que é básico pro seu dia a dia?

Comer bem, trabalhar, produzir...

O que é básico no seu estilo?

Simplicidade. Não gosto de abusar de cores e informações de moda, já sou muito alta, sabe? (Sim, Dani tem loiríssimos 1, 80m). Na hora de escolher minhas roupas, os tecidos aparecem em primeiro lugar. Gosto de malharia, de lã, de tecido fluído e de peças bem cortadas. Acho a moda fascinante, mas sou básica. Até quando vou para uma festa, escolho algo mais simples, mas daí com um elemento “uau” e uma maquiagem incrível. Sou “a” do make, gosto de olho bem feito, de cílios…

O que é básico no seu guarda-roupa?

Pecas icônicas, statements. Um bom jeans, uma boa jaqueta, cortes impecáveis, flats, tênis para usar com alfaiataria…

O que é básico na sua biblioteca?

São vários, cada um eu li numa fase… Hemingway, eu adoro, eu me identifico. Estou relendo “Grande Sertão: Veredas”. E recentemente eu li um livro que me recomendaram há dez anos, “O Monge e o Executivo”; a última frase me fez chorar compulsivamente. Diz sobre um abraço, quando uma pessoa solta o abraço antes da outra e, no contexto, no livro, tem muito sentido. Mas sempre alguém solta primeiro, né?

Que música é básica na sua formação afetiva?

Estou curtindo muito música brasileira, Tom Jobim, Elis Regina e artistas recentes como Zeca Baleiro. A música “Heroes”, do David Bowie, é muito forte e importante para mim. “All Along The Watchtower”, do Jimi Hendrix, eu gosto muito. E tenho escutado muito “Lullabies”, da Yuna. E, poxa, “Secret Smile”, do Semisonic, é o tipo de música que não tem erro. É demais.

O que é básico para seguir em frente?

Planejar.Tem que pensar sempre no próximo passo, mesmo quando se está bem. A zona de conforto acaba uma hora ou outra, e não precisa chegar no fundo do poço para planejar…

O que é básico para ser inteira?

Gente. Eu gosto de gente. Me viro bem sozinha, mas gosto de trocar, de conversar. Mas tem que ser gente interessante – a gente escolhe quem quer por perto.

O que é básico pra você?

Água.

Deixe o seu comentário:





*Campos Obrigatórios

Compartilhe